quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Pessoal estude a linha do tempo literária...

Linha do tempo literária (RESUMO)

Trovadorismo Trovadorismo foi a escola literária que se fazia na época da Idade Média, baseava-se em cantigas preparadas para divertir o povo e a nobreza. Teve forte influência da Igreja Católica, já que era ela quem controlava as expressões artísticas e culturais da época.


Humanismo Humanismo foi um movimento cultural que, além do estudo e da imitação dos autores greco-latinos, fez do homem objeto de conhecimento, reivindicando para ele uma posição de importância no contexto do universo, sem, contudo, negar o valor supremo de Deus.


Classicismo Classicismo foi o movimento literário que resgatou os valores e as culturas greco-latinos de forma mais intensa. Exaltando sua nação ao invés da mitologia antiga como faziam os clássicos, o poeta Camóes, através da obra Lusíadas relatou a História de Portugal através de histórias dos bravos guerreiros.


Barroco Foi um movimento literário da Contra-Reforma, ou seja, da transformação da Igreja Católica, em detrimento da Protestante. Os autores barrocos expressam o conflito interno que as pessoas viviam na época, os principais foram: Gregório de Matos e Padre Antônio Vieira.


Arcadismo Arcadismo foi um movimento resultado de uma reação anti-barroca, surgindo nos finais do Século XVIII retomou algumas características literárias do Classicismo, como o equilíbrio e a racionalidade, ficando também conhecida como Neoclassicismo.


Romanstismo Romantismo foi o movimento da expressão burguesa nas artes, nas ciências e na cultura. Defendendo a liberdade de expressão, inspirado na frase célebre da Revolução francesa "Liberdade, igualdade e fraternidade".


Realismo "O realismo é uma reação contra o romantismo: o romantismo era a apoteose do sentimento; o Realismo é anatomia do caráter. É a crítica do homem. É a arte que pinta a nossos próprios olhos - para condenar o que houver na nossa sociedade". Eça de Queiroz.


Naturalismo O naturalismo pode ser considerado como um realismo mais radical, pois também utilizava a literatura para descrever a realidade, porém com a diferença de se munir de teorias científicas poderosíssimas para constituir seu ponto-de-vista em relação ao mundo: o materialismo e o determinismo.


Parnasianismo O Parnasianismo foi a escola literária que consagrou o labor do poeta. Foi este movimento que retornou ao clássico, buscando sempre a perfeição poética e estética nas suas obras. Refletiu bastante através da poesia sobre o próprio ato poético. Além de caracterizar-se por um exagero nas formas de seus sonetos.


Simbolismo O que mais caracterizou o simbolismo foi o seu misticismo. Os poetas simbolistas não tentavam fazer poesias compreesíveis, pois eles queriam que os leitores se sensibilizassem para a construção poética, por isso utilizavam muitos símbolos, metáforas, linguagem figurada que sugerissem sensaçõe aos leitores.


Pré-Modernismo "Atualmente, nessa hora de tristes apreensões para o mundo inteiro, não devemos deixar de pregar, seja como for, o ideal de fraternidade e de justiça entre os homens e um sincero entendimento entre eles. E o destino da literatura é tornar sensível, assimilável, vulgar, esse grande ideal de pouco a todos, para que ela cumpra ainda uma vez a sua missão." Lima Barreto.


Modernismo O modernismo foi um movimento que buscou arrancar-se das correntes estéticas do parnasianismo. Os autores modernistas refutavam tudo o que era antigo para construir uma nova poética, livre de qualquer tipo de regras. Teve forte influência das Vanguardas européias, que eram movimentos artísicos que se iniciaram na europa e se espalharam pelo mundo declarando seu amor estético pela liberdade.


Um comentário:

  1. Linhas do tempo são ótimas para estudar a literatura. Obrigada pelo resumo!

    ResponderExcluir